Retratos de Meu

Ladislau da Regueira | A minha prôpri'auto~geração: A Pota de Ladisinho (1995~1997)
Ladislau da Regueira | Auto~retractos com mariscos: mexilom (1995)
Ladislau da Regueira | Não som circuncissões, som cerzidos (1997~ ... )
Ladislau da Regueira | Recarghando não ando (1996)
Ladislau da Regueira | Auto~retractos com mariscos: Frida Kahlo, a maior delícia que nunca mais catou home ou mulher (1996~1998)
Ladislau da Regueira | Díptico Dá Segurança (1995)